Remedinhos para Gripe e Febre no bebê, indicações

Gripes e resfriados são problemas de saúde que nos acompanham a vida toda e já começa nos primeiros dias de vida. Essas doenças infecciosas são transmitidas de pessoa para pessoa e, com isso, temos um dos principais motivos do porque de elas acontecerem já entre os bebês que geralmente são paparicados por todos os parentes e amigos que nem sempre têm o cuidado ao se aproximarem do inocente, mesmo estando infectados por algum tipo de vírus transmissor da gripe.

Por não ter ainda um sistema imunológico formado, o bebê fica susceptível a esses vírus que podem lhe causar um simples resfriado ou uma gripe acentuada. Mas se os pais ou responsáveis conhecerem os remedinhos para gripe e febre no bebê, certamente que a cura chegará mais rápido.





Como acontece com as demais complicações de saúde, é importante combater esse mal, tão logo é percebido, pois além da criança ter o sistema imunológico ainda em formação, esses males debilitam-na ainda mais, abrindo as portas para outras complicações causadas por micro-organismos diversos.

 

Nariz Escorrendo, Coriza

Bem sabemos o quanto é desconfortável ter o nariz escorrendo, mas para nós, adultos, basta usar um lenço e logo resolver o problema. Porém, nem sequer conseguimos imaginar o sofrimento dos bebês quando ficam resfriados, pois mesmo para mamar encontram sérias dificuldades e infelizmente não encontram outra solução senão chorar e pedir ajuda da mãe ou outros responsáveis.





Remédios caseiros – para combater logo esses resfriados, existem algumas soluções bem caseiras se acaso a criança já tenha mais de 6 meses de vida. Entre essas soluções destacamos:

Suco de laranja – sabemos que o suco de laranja é rico em vitamina C, muito necessária para fortalecer o sistema imunológico do ser humano. Escolha uma espécie de laranja menos ácida e ofereça o suco natural ao bebê.

  • Água pura – assim como o suco de laranja e outras frutas, também é importante hidratar a criança com água pura. Esse líquido precioso encontrado na natureza, além de hidratar, contribui para eliminar as secreções e também para combater a febre.
  • Uso de soro fisiológico – o soro fisiológico pode ser usado tanto para lavar o nariz do bebê várias vezes ao dia como para as inalações. Com esses tratamentos as secreções soltarão mais facilmente agilizando a cura.

Remédios de farmácia – quando se trata de remedinhos para gripe e febre no bebê encontrados na farmácia, existem algumas soluções para a coriza no bebê, mas sempre que possível devem ser evitadas a menos que o pediatra que consulta o bebê aconselhe.

Se a garganta estiver Inflamada

Um dos primeiros cuidados que a mãe deverá ter com seu filho se este estiver com a garganta inflamada diz respeito a alimentação, pois nesse caso, os alimentos devem ser bem macios para facilitar no momento de engolir isso, é claro, a partir do sexto mês de vida. Também com respeito a inflamações na garganta, estas devem ser tratadas com todo o cuidado para evitar que se desenvolvam os problemas mais graves com a formação de pus.

Alguns alimentos – sopas e caldos são boas opções para alimentar o bebê com dores na garganta, mas também podemos aproveitar os benefícios de sucos de frutas com vitamina C.

Remédios caseiros – entre os remédios caseiros para curar a dor de garganta dos bebês, podemos indicar;

Alguns tipos de chás – chá de poejo, de menta, de camomila e de menta.  Qualquer uma dessas opções contribui para acalmar o bebê e também amenizar o desconforto enquanto que as secreções fluem mais naturalmente para vencer o problema.

Banhos mornos – banhar o bebê com água morna contribui para o seu relaxamento e também para liberar as secreções enquanto amenizam as dores na garganta.

Remédios de farmácia – para situações mais agravantes, o médico pediatra poderá recomendar medicamentos anti-inflamatórios e até mesmo se acaso for necessário algum tipo de antibiótico.  Nessas situações, o Paracetamol e o Ibuprofeno estão entre as opções mais indicadas pelo médico.

Se ele estiver com dor de ouvido

As dores de ouvido causam muita irritabilidade no bebê, que chora e pode perder a vontade de se alimentar e em se tratando de medicamentos para combater esse transtorno, podemos até optar por soluções caseiras, mas melhor será se levarmos o bebê diretamente ao médico para garantir o melhor tratamento.

Remédio caseiro – a melhor opção entre os tratamentos caseiros para combater as dores no ouvido do bebê é esquentar uma fralda com o ferro de passar e colocar sobre seu ouvido, sempre com o cuidado para não aquecer demais o tecido.

Remédios farmacêuticos – por recomendação de um médico pediatra as opções entre os remédios de farmácia ficam por conta dos analgésicos e antipiréticos, dos anti-inflamatórios ou ainda os antibióticos que deverão ser receitados de acordo com a gravidade do problema.

Febre Acima de 37 graus

Todos nós precisamos entender que febre não é doença e sim sintomas de uma doença, e para acalmá-la existem algumas soluções caseiras muito eficazes. Porém, acima de 37° C a criança precisa ser levada com urgência ao médico que aconselhará o melhor tratamento.

Ao ser consultado, o médico deverá receitar o Dipirona como a melhor solução química para baixar a febre, mas é preciso detectar a causa dessa febre e tratá-la com seriedade.