Símbolos do Judaísmo mais importantes para os Religiosos

Conhecida como a religião que adora o verdadeiro Deus mais antiga do mundo, o Judaísmo nasceu ainda aproximadamente 1300 anos a.C, quando o povo escolhido por Deus era ainda chamado de Israelitas sob o comando do Patriarca Abraão que pela fé, saiu de sua terra em busca da terra que Deus lhe prometera.

Abraão

Chamado de “O Pai da Fé”, Abraão que antes era conhecido por Abrão, aos 75 anos de idade, deixou sua terra natal, seus pais e sua estabilidade financeira, uma vez que era muito rico, e saiu em busca de uma terra prometida que Deus lhe havia prometido, sua primeira prova de fé.

Como conta a Bíblia, Abraão tinha aproximadamente 75 anos de idade quando deixou a terra de Ur dos Caldeus em busca da “Terra Prometida”, juntamente com sua esposa Sara e seus fieis trabalhadores e mais grande parte dos seus pertences.

Porém, o que mais chama a atenção na vida desse fiel servo de Deus, foi a sua entrega aos cuidados do Criador, a ponto de sujeitar-se a entregar o próprio filho em sacrifício para demonstrar sua obediência.

Conhecido no mundo cristão como “O filho da promessa”, Isaque veio ao mundo quando Abraão tinha 100 anos, a quem Abrão amava de todo o coração, mas que no momento que Deus o pediu como sacrifício, Abrão não exitou em oferecer sendo por isso conhecido como o Pai da Fé.

Todos sabemos que esse sacrifício não foi necessário, pois Deus providenciou um cordeiro na hora “H”, pois de maneira alguma aceitaria tal sacrifício. Por isso, até os dias de hoje, Abraão é tido como o grande líder do povo judeu ou hebreu.

A tora

A Torá é um dos símbolos do Judaísmo. Trata-se de um livro (rolo de Pergaminho) que conta sobre a origem do mundo e de toda a humanidade. Também conhecido como Pentateuco, esse livro é composto pelos primeiros 5 livros da Bíblia, escritos pelo patriarca Moisés.

A palavra Torá significa “Lei”, “Instrução”, onde também encontramos as leis escritas por Moisés ao Povo (leis cerimoniais) e os 10 Mandamentos da Lei de Deus escritos pelo próprio dedo de Deus.

 

Estrela de Davi

A Estrela de Davi é um dos grandes símbolos do Judaísmo, tanto que é visto também na Bandeira de Israel. Esse símbolo também conhecido como “Escudo de Davi” é conhecido com variadas interpretações e está sempre presente na cultura religiosa dos judeus.

Esse símbolo também é tido por muitos judeus como o próprio selo de Salomão filho de Davi que até os nossos dias é conhecido como o homem mais sábio do mundo.

Atenção – não podemos confundir a Estrela de Davi que traz em seu interior um hexágono com o símbolo do satanismo que apresenta uma estrela com um pentagrama em seu interior.

 

Shofar

O Shofar é  mais um dos muitos símbolos do Judaísmo que merecem ser destacados. Trata-se de uma espécie de corneta feita do chifre de uma espécie de carneiro que tocado por uma pessoa habilitada pode produzir sons bem harmoniosos.

Para o povo judeu, o Shofar é muito mais do que um instrumento musical, pois é considerado um instrumento quase sagrado que traz à lembrança os tempos em que o povo de Israel era chamado à adoração ainda em pleno deserto.

Talit

Na cultura judaica, o Talit é mais um acessório com grande significado espiritual. Trata-se de um manto usado para os momentos de oração que simboliza a separação do homem do mundo físico fazendo uma ligação com o  mundo espiritual.

Ao olhar para esse manto, os judeus recordam as leis de Deus e a responsabilidade para obedecê-las, pois um dia no passado eles haviam sido chamados a viverem uma vida santificada. (um chamado que deixou de existir a partir do ano 34 d.C).

Os Mandamentos Judaicos

Quando se fala sobre os Mandamentos Judaicos, trata-se dos Dez Mandamentos da Lei de Deus, escritas em duas tábuas de pedra com o próprio dedo de Deus segundo lemos no livro de Êxodo 31:18.

Essas leis, na verdade não valem apenas para os judeus e sim, para toda a humanidade, pois elas existem desde a eternidade, apenas foram escritas por Deus e dadas a Moisés para que o povo lembrasse de que elas existem.

As Festas Judaicas

Entre as principais festas judaicas citadas na Bíblia podemos destacar:

  • Festa da Páscoa – comemorada em 14 de Nisã (entre os meses de Março e Abril),
  • Festa dos Pães Asmos – celebrada entre 15 e 21 de Nisã (entre os meses de Março e Abril),
  • Festa das Primícias – celebrada em 16 de Nisã ( entre Março e Abril),
  • Festa de Pentecostes – celebradas em 6 de Sivã ( entre o mês de Maio e Junho),
  • Festa das Trombetas – celebrada em 1 de Tisri ( entre o mês de Setembro e Outubro),
  • Festa do Dia da Expiação – celebrado em 10 de Tisri (entre o mês de Setembro e Outubro),
  • Festa dos Tabernáculos – celebrada em 15 e 21 de Tisri (entre o mês de Setembro e Outubro),
  • Festa do Jubileu – celebrada a cada 50 anos,
  • Ano de descanso – celebrada a cada 7 anos,
  • Festa do Sábado – comemorada a cada semana no sétimo dia,
  • Festa de Purim – celebrada em 14 e 15 de Adar (entre Fevereiro e Março).

Mezuzá

O Mezuzá é um pequeno rolo de pergaminho que deve estar afixado no umbral direito da porta de cada lar dos judeus. Esse pergaminho contém um mandamento que representa todo o relato contido no livro de Deuteronômio 6:9 a 11:20.

Esse é um sinal de que na residência mora uma pessoa ou família judaica.

 

O tabernáculo Judaico

O  Tabernáculo ou Santuário do qual os judeus ainda tem como símbolo de suas crenças, representa aquele santuário que Deus mandou que Moisés erigisse no passado para que o Criador pudesse habitar entre o povo conforme vemos em Êxodo 25:8 em diante.

Kipá

O Kipá é um simbolo da presença de Deus na vida do judeu. Essa pequena toca na cabeça dos judeus ajuda a lembrá-los de que existe um Ser superior acima deles que deve ser adorado.

Estes são apenas alguns dos simbolismos do Judaísmo, mas existem exitem muitos outros. Se você desejar saber maiores detalhes, aproveite para fazer suas pesquisas e inteirar-se mais sobre esse assunto.

Leia também:
Símbolos do Islamismo mais importantes para fiéis

DESENHOS para colorir da Bíblia

Encontre o melhores DESENHOS BÍBLICOS para pintar

Remédios para Vermes em Crianças e Bebês

Tipos de Barba que Estão na moda, Entre nesta Onda